Cargo pesado

Leitura Bíblica: Números 11.10-16

Derramo diante dele o meu lamento; a ele apresento a minha angústia (SI 142.2).

Não se pode negar que o povo de Israel que atravessava o deserto era um povo que reclamava de tudo. Se fôssemos tecer um comentário jocoso diríamos: ô povo chorão!

Lemos que Deus ficou irado com o povo pelo queixume, mas o interessante é que o sentimento de Deus pareceu mal a Moisés. Moisés também se queixa, refletindo toda aquela situação. Rebela-se contra a vocação dada pelo Senhor e debate suas razões como quem conversa com um parceiro. A responsabilidade era grande, grande demais.

Afinal, ele havia vivido grande parte de sua vida em um palácio com conforto e honras, depois o período no deserto e agora escutando a reclamação de um povo inferior a ele. Sua queixa chega até Deus quando ele diz: Chega!

Quantas vezes em nossos empregos consideramos o cargo pesado. Nossa vontade também é dizer: Chega! Não aguento mais! São responsabilidades em excesso e que nem sequer pedimos, caras feias, respostas atravessadas, exigências absurdas, reclamações infundadas. São entregas que atrasam, encomendas que se perdem, computadores que falham, documentos em que faltam carimbos, filas por todo lado.

Da mesma forma como Deus agiu com Moisés providenciando-lhe 70 líderes que o ajudassem, a misericórdia de Deus se revela a nós na ação desse dia. Está difícil? Pare e ore. Comece agradecendo por este emprego que você possui e que proporciona o seu sustento. É por meio dele que você vai demonstrar o que o Senhor Jesus fez na sua vida.

É por meio dos problemas enfrentados que o seu testemunho vai falar mais alto. É sua maneira de chegar de manhã que mostrará o quanto você é diferente. Muitas horas vão surgir iguais às que Moisés teve. Entregue-as a Deus. Diga como você se sente no dia de hoje e Deus em sua misericórdia providenciará a divisão do seu cargo.

Entregue todo fardo pesado a Jesus.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *