No Lugar Certo

Leitura: Efésios 3.8-13

“…por intermédio de quem temos livre acesso a Deus…” (Ef 3.12).

Talvez você conheça uma pessoa que possui uma fé sincera, que no entanto não é dirigida ao Deus Pai do Senhor Jesus. Será que Deus não leva em consideração a inocência, o engano e a sinceridade de uma fé? Afinal o que vale não é a sinceridade do coração? Bem, na verdade Deus busca coração e fé sinceros.

É por isso que somos advertidos a nos aproximarmos de Deus com um coração sincero e em plena convicção de fé. (Hb 10.22). Todavia essa mesma recomendação também diz que devemos nos achegar a Deus com o coração limpo pela água que é a sua Palavra.

A razão desta advertência é por que, quem, com toda sinceridade, confia na sua interessante religiosidade cultural, está perdido. É possível acreditar sinceramente numa fraude, em pessoas desonestas, em remédios falsos e até mesmo numa mentira deslavada, porém não será possível fugir das consequências do engano sincero.

Quando Deus apresentou Jesus, Ele deu uma ordem pela qual todo ser humano será considerado indesculpável, se sinceramente não crer. Ele disse: “Este é o meu filho, o Escolhido, ouçam-no!” (Lc 9.35). Fé sincera no objeto errado é tão mortal quanto o pior veneno.

E certamente o adversário de sua alma, Satanás, se esforçará para que você desenvolva uma sincera fé em qualquer coisa desde que não seja no Senhor Jesus, o filho de Deus. A própria mídia vem usando novelas e comerciais na tentativa de impor um novo e cômodo jeito de viver que conduz a mente a um sincero engano espiritual.

A verdadeira fé está centralizada exclusivamente no Senhor Jesus. Ele é o objeto da fé sincera que declara: “Cristo Jesus nosso Senhor, por intermédio de quem temos acesso a Deus em confiança, pela fé nele” (Ef 3.11-12).

Em nada ponho a minha fé senão na graça de Jesus.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *