Renda Extra: Venda de Marmita Fitness

Precisa de uma renda extra e não sabe por onde começar? Se você gosta de cozinhar, saiba que um bom caminho para ganhar um dinheiro extra é com a venda de marmitas fitness.

Esse mercado está em rápido crescimento, pois a cada dia que se passa mais e mais pessoas sentem a necessidade de começar a se alimentar melhor e alcançar uma vida mais saudável.

O negócio tem potencial por causa da forte procura e, exatamente por isso, hoje existe uma concorrência alta. Para qualificar seu trabalho é importante ter bastante empenho no preparo, divulgação e venda das suas marmitas. Para esse tipo de empreendimento, o investimento inicial é baixo. Isso é um bom sinal para você, pois não precisará desembolsar tanto dinheiro para começar seu negócio.

Por onde eu começo na venda das marmitas?

Defina um público.

Existem, por exemplo, os vegetarianos e veganos, que são diferentes um do outro. Outra opção são as pessoas que preferem baixo teor de carboidrato (low carb). Para começar, é necessário definir quem é seu público e então, saber que tipo de comida você irá preparar e vender.

Escolha as embalagens

Ao saber a embalagem, você define o quanto de comida terá em cada marmita. Logo, quanto você precisará de cada ingrediente para fazer uma quantidade específica. Para começar, se comprometa com a venda de, pelo menos, 15 marmitas, com cerca de 250g cada.

Custo em transporte

Se decidir ser delivery, saiba que isso tem um custo para você. É possível pagar por isso cobrando uma porcentagem a mais no valor da marmita, ou com uma taxa de entrega. O que ajuda a suprir seus gastos com combustível.

Cardápio

Variedade sempre chama atenção das pessoas e mesmo que seja uma comida saudável, ela não precisa ser sem graça. Então abuse da criatividade e compre bons ingredientes. A maioria das marmitas fitness oferece a opção de congelar e comer ao longo do mês. Quase ninguém compra uma quantidade pequena de marmitas, então o sabor e qualidade são essenciais.

O prato já vem montado, com uma quantidade padrão de comida. Isso faz com que o custo da refeição seja menor, reduzindo o preço final do produto. Apesar do baixo preço, os clientes exigem boa qualidade nos ingredientes e um serviço de entrega eficiente.

Existe uma dica fundamental para ter sucesso?

Claro! Organização e planejamento. Se estamos falando em venda de comida, por lei, existe um padrão alto de qualidade na venda de alimentos para garantir a saúde de todos. Então, é preciso comprometimento e, para isso, você precisará investir tempo e dinheiro. A venda de marmitas só se tornará lucrativa se tiver organização na produção, distribuição e divulgação do seu produto.

Além disso, é importante separar as contas de casa e do negócio. Cuidado para não misturar a compra dos ingredientes das marmitas com as compras da sua casa. O risco de fazer isso é não conseguir saber se você está tendo lucro ou se está pagando para trabalhar.

O ideal é ter uma planilha para os gastos do negócio e até mesmo fazer compra em dias separados.

Curtiu a dica? Vai tentar fazer em casa? Deixe nos comentários o que você achou. 🙂

Adaptado de Serasa Ensina

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *